Guardar os equipamentos odontológicos em segurança e com total garantia de condições adequadas de higiene pode não ser uma tarefa simples, visto que os instrumentos usados por dentistas necessitam de cuidados especiais.

Seja por conta do alto valor dessas ferramentas, seja pela segurança dos pacientes, o fato é que quem está expandindo o consultório sabe que o assunto é muito sério. Os órgãos fiscalizadores deste setor, como a própria vigilância sanitária, são muito rígidos e as penalidades por descumprir uma obrigação podem comprometer a existência do negócio.

Sendo assim, no conteúdo de hoje mostraremos uma série de informações úteis sobre como conservar e guardar corretamente os equipamentos odontológicos. Continue a leitura deste artigo para saber mais sobre técnicas de higienização dos instrumentos e como guardar seus equipamentos em segurança!

Cuidados com equipamentos odontológicos

Além da manutenção dos equipamentos de dentista, a desinfecção tanto dos instrumentos, quanto do ambiente de trabalho é uma prioridade nesta área. 

De acordo com o manual de desinfecção do Conselho Federal de Odontologia, dependendo do nível da desinfecção, é preciso utilizar substâncias como álcool, hipoclorito de sódio, glutaraldeído, entre outros.

Veja a seguir algumas dicas úteis para a limpeza do dia a dia no consultório:

Leia as indicações do fabricante

Embora seja um tanto óbvio, o fato é que equipamentos odontológicos sempre vêm com instruções elaboradas pelos profissionais que os desenvolveram. Isto é, todas as medidas que foram testadas em um ambiente laboratorial para garantir a eficiência dos procedimentos de higienização.

Evite buchas ou esponjas de aço para a limpeza

Materiais abrasivos até podem ser úteis para limpar superfícies resistentes, mas, no caso de equipamentos odontológicos, que são ferramentas muito sensíveis, as esponjas de aço podem comprometer seriamente a integridade dessas peças.

Verificação do manômetro do filtro de ar

O filtro de ar tem uma função muito importante que vai além de simplesmente eliminar a umidade do ar. O manômetro também serve para regular a pressão que é enviada para a cadeira odontológica.

Dito isso, é muito importante verificar a marcação do equipamento, que deve sempre estar em 5,5 bar ou 80 PSI. Esse procedimento tem a finalidade de evitar que a pressão das canetas oscile, o que poderia afetar a sua funcionalidade. Medidas superiores de pressão podem acarretar vazamentos ou rompimento de mangueira.

Armazenamento correto

Ter cautela, cuidado e zelo pelos instrumentos são pré-requisitos para ser um bom profissional da área da saúde. Afinal, os equipamentos odontológicos são como uma extensão de suas habilidades.

Também é fundamental armazenar os objetos de trabalho da melhor maneira possível. Afinal, além de adquirir bons equipamentos, é necessário muito cuidado com todo esse investimento profissional.

Onde armazenar os equipamentos odontológicos?

Os equipamentos odontológicos variam entre pequenos e mais robustos. Mesmo assim, todos eles necessitam de cuidados especiais com higiene e armazenamento.

Os equipamentos odontológicos exigem cuidados especiais devido à sua delicadeza. Afinal, são instrumentos frágeis e que devem ser mantidos em locais altamente higienizados, já que são utilizados em cirurgias, tratamentos e outros procedimentos odontológicos.

No entanto, um consultório de odontologia não é composto apenas por ferramentas cirúrgicas e instrumentos pequenos. Existem máquinas de grande porte e que ocupam um espaço considerável do estabelecimento, tais como:

  • compressor odontológico;
  • mesa de equipamentos;
  • cadeira odontológica;
  • raio-X odontológico.

Além desses equipamentos odontológicos de grande porte, a parte da documentação ortodôntica e histórico do paciente, como por exemplo os modelos em gesso da arcada dentária e os prontuários, precisam ser guardados por bastante tempo, ocupando um espaço considerável no consultório.

Nem sempre os prontuários e os documentos ortodônticos mais antigos são utilizados constantemente no dia a dia de um consultório. Porém, tais documentos precisam de segurança no armazenamento por conter dados pessoais e histórico dos pacientes

Se você está passando por uma expansão de seu consultório e precisa de segurança para armazenar seus equipamentos odontológicos, ou procurando um outro local para guardar a documentação de seus pacientes, um self storage pode ser a solução ideal para as necessidades dos seu consultório. 

O self storage conta com serviços de monitoramento 24h e além disso possui um ambiente limpo e dedetizado.

Para garantir a segurança de seus pacientes e o cumprimento das exigências sanitárias dos órgãos fiscalizadores, considere contar com um box de armazenamento. Neste tipo de solução, é possível guardar objetos de diversas naturezas, por tempo indeterminado e com segurança.

Outro ponto de vantagem de um self storage para equipamentos odontológicos é que não há contrato de fidelidade que obrigue o profissional a utilizar a solução. Ou seja, é possível cancelar a partir do momento em que o box não tiver mais utilidade para você, sem se preocupar com multas ou sanções.

Quer saber mais sobre como o self storage pode ajudar o seu consultório a armazenar os equipamentos odontológicos em segurança? Então entre em contato com a equipe do GuardeAqui agora mesmo e conheça a solução ideal para atender às necessidades de seu negócio!

Autor

Cid dos Santos

Faço parte da equipe GuardeAqui há mais de 6 anos e, apesar de ser formado em Marketing, minha experiência profissional é proveniente da área administrativa. Entendo que o conceito de self storage é novo e desconhecido para muitos brasileiros, por isso acredito que a explicação e apresentação das nossas funcionalidades é de extrema importância.

Deixe seu comentário