18 fev/16

Mudou-se para um centro empresarial? Não deixe o espaço ser um problema

self storage
Não é novidade que os custos estão cada vez mais inflacionados. A valorização do m² é um dos fatores que gera mais impacto e faz com que tenhamos que lidar com cada vez menos espaço disponível. Isso não se aplica apenas a casas e apartamentos mas, também, é um dos principais motivos para que empresas busquem redução de despesas com espaço físico.

Com o pensamento de atuar com custos mais enxutos, muitas companhias se mudam para centros empresariais, que possuem espaços menores e, consequentemente, aluguéis mais baixos. Nesse sentido, o problema da transição de um escritório grande para um escritório mais compacto é adequar todos os pertences ao novo espaço. Muitos deles, por sua vez, não se adequarão ao ambiente, que agora é menor. Isso porque esses itens tomarão espaços que podem ser utilizados para outra atividade, como alocar mais colaboradores ou expor mais produtos, por exemplo.

Então, o que fazer com todos os pertences e objetos do escritório antigo?

  • Móveis – É importante otimizar o espaço e levar somente o que for considerado essencial. Neste caso, alguns móveis que antes compunham o ambiente do antigo escritório não terão mais espaço. Itens como mesas, cadeiras, armários e todos aqueles que possam ser remanejados devem ser armazenados em outro local, para que, se necessário futuramente, estejam disponíveis.
  • Arquivos e documentos – empresas acumulam grandes quantidades de papéis, documentos físicos e arquivo morto diariamente. Estes documentos, por sua vez, não podem ser negligenciados e apenas serem jogados fora. Por outro lado, ocupar espaço físico da empresa que poderia ser utilizado para a estratégia é jogar dinheiro fora. É preciso, então, que estes documentos sejam armazenados em outro local.
  • Equipamentos – equipamentos ociosos como computadores, placas e afins deverão ser identificados para não tomarem espaços que podem ser alocados para outras funções estratégicas. Tudo aquilo que não agrega receita para a rotina do escritório não deve estar no novo ambiente corporativo.
  • Estoque – caso a empresa tenha estoque de produtos/materiais interno, o aconselhável é procurar outra solução ao se mudar para o escritório novo. Ocupar espaço físico que poderia servir para a estratégia, com estoque, pode não representar uma boa alternativa de retorno sobre o investimento.

Para inúmeros casos de redução de espaço físico, como ao mudar-se para um centro empresarial, o self storage é a solução ideal. O self storage resolve um desafio que todas as empresas têm em comum: a falta de mais espaço e/ou a necessidade de otimizar o que já existe.

É preciso considerar que o custo do espaço físico para armazenar o que não está relacionado ao negócio é alto e, tanto o espaço, quanto os investimentos financeiros poderiam ser aplicados para o crescimento da empresa.

A solução de self storage do GuardeAqui pode ser útil para empresas de qualquer segmento de mercado para apoiar, do armazenamento de documentos e mobiliário que são pouco acessados, até produtos e mercadorias diretamente ligados ao core business da empresa.

O GuardeAqui é muito mais que uma guarda móveis, é o maior e melhor self storage do Brasil com mais de 120.000m² de área e 25 unidades pelo país.