No decorrer dos últimos anos, muitas tendências que já estiveram no moda no passado estão voltaram com tudo, e o vinil está entre as principais. Seja pela qualidade do som ou seja pela experiência nostálgica, o fato é que cada vez mais pessoas têm aderido a essa tecnologia e isso nos leva ao tema deste artigo: como conservar discos de vinil.

Neste conteúdo, mostraremos uma série de dicas úteis sobre o que fazer para cuidar de sua coleção de vinil e garantir que ela dure por muitos e muitos anos. 

Continue acompanhando a leitura para saber mais!

Como conservar discos de vinil?

Mantê-los longe da umidade, evitar a exposição direta à luz do sol e evitar empilhá-los são apenas algumas das formas de conservar os discos de vinil. 

Veja nos próximos tópicos as dicas que separamos!

Longe da umidade

A umidade é um dos fatores preferidos das bactérias e dos fungos. Se o disco de vinil ficar guardado em um local úmido, a tendência é que com o tempo comece a formar mofo em sua superfície, o que pode comprometer a sua conservação.

O ideal é que manter a sua coleção em uma ambiente seco e arejado. Mais ao final deste conteúdo daremos uma ótima sugestão de local para guardar os discos de vinil de forma prática e segura.

Longe do sol

A exposição direta à luz do sol pode desbotar as cores da capa e causar o ressecamento do vinil. Assim como a umidade é prejudicial, o excesso de calor e luz solar também podem afetar o seu tempo de vida útil.

Portanto, mantenha os seus discos em locais que não tenham contato direto com a luz do sol, preferencialmente à sombra e bem arejados.

Evite empilhar

Se você já visitou uma loja de discos, certamente deve ter visto que eles não ficam empilhados, não é verdade? O fato é que ao empilhar os discos eles podem acabar sendo entortados e até mesmo quebrando.

O ideal é deixar sempre deixar a sua coleção em espaços adequados, como prateleiras ou estantes, organizando-os uns ao lado dos outros, e isso nos leva ao assunto do próximo tópico.

Proteção!

Além da posição, os discos de vinil devem ser devidamente protegidos com uma capa plástica protetora. A maioria das embalagens dos próprios vinis já têm essa capa, mas caso você adquira um disco que não a tenha, elas são fáceis de encontrar. Dessa forma, evita-se a ação do tempo e, é claro, os riscos por manuseio.

Lembrando que é importante trocar essas capas plásticas de proteção regularmente, já que elas se desgastam com o decorrer do tempo e perdem a sua função.

Limpeza!

Quando o assunto é conservação dos discos de vinil, a limpeza está entre os principais cuidados que você deve ter para garantir um bom tempo de vida útil à sua coleção. Contudo, limpar os discos de vinil é uma tarefa que precisa ser feita com minuciosidade.

Veja a seguir algumas formas para limpar seus discos de vinil:

Flanelinha

Passe a flanela seca no sentido horário, fazendo movimentos da borda ao centro do disco. Lembrando que este é o método menos recomendado, visto que o pano pode espalhar o pó e riscar o disco, além do fato de que as partículas do tecido podem se soltar, acumulando ainda mais sujeira.

Detergente de louça

Em uma bacia plástica misture detergente neutro com água fria até o produto se dissolva por completo. Depois, basta colocar o disco de vinil nesta água por alguns minutos. Então, com as mãos bem limpas, esfregue suavemente a superfície do disco no sentido horário, sempre da borda para o centro.

Por fim, basta enxaguar com a água da torneira para remover todos os resíduos e deixá-lo secando na sombra.

Álcool

Embebede um pedaço de algodão em álcool de uso caseira (46 G ou 96 GL) e passe-o pelo disco da borda para o centro, sempre fazendo movimentos em sentido horário. Sem dúvida, essa é uma das melhores e mais práticas formas de limpar o disco de vinil, pois além de eliminar todos os fungos e a sujeira, o disco ficará sem umidade.

Evite o toque

Depois de limpos, é ideal que se evite tocar nos discos, pois os dedos têm uma oleosidade natural que não é boa para os discos, além das marcas que acabam ficando e manchando o disco.

Sem pó, sem problemas

Além do toque, a poeira é um dos maiores problemas que afeta a conservação do disco de vinil. Um pincel macio destinado somente à limpeza dos discos pode ser o suficiente para eliminar o acúmulo de partículas de poeira.

Por fim, vale mencionar que muitos colecionadores têm escolhido o self storage para armazenar seus discos de vinil, visto que é fundamental manter a sua coleção em um local limpo, seco, arejado, livre da exposição direta do sol e seguro, e os boxes proporcionados por esse tipo de empresa oferece tudo isso e preços bastante acessíveis.

Quer conferir todos os nossos conteúdos informativos e dicas sobre logística, empreendedorismo e assuntos cotidianos? Então acesse o blog do GuardeAqui para conferir todos os nossos posts!

Autor

Denise Rodrigues

Atuo no GuardeAqui desde 2017 e sou responsável pela área de marketing da empresa. Sou formada em Publicidade e Propaganda com pós-graduação em Marketing, além disso, tenho forte senso de organização e utilizo-o em diversos momentos, seja em casa ou no trabalho.

Deixe seu comentário