O GuardeAqui tem como uma de suas características a boa localização de seus espaços. Em Belo Horizonte (MG), uma das maiores capitais do País, não poderia ser diferente: estamos na avenida Portugal, na região da Pampulha, muito perto do aeroporto, de indústrias e universidades.

Com grande variedade de áreas para auto armazenagem, começamos com boxes de 2m² até 50 m² – passando por sete tamanhos. Isso quer dizer que podemos guardar desde livros e apostilas que você não precisa mais no seu cotidiano até o estoque de sua empresa que chegou em um contêiner.

Use o filtro no site da GuardeAqui e saiba qual é o tamanho ideal para a sua necessidade. O contrato é rápido e sem burocracia. Escolheu tamanho, é só pagar a primeira mensalidade e começar a usar. Estamos na Avenida Portugal, 5543, ao lado do 13° Batalhão de Polícia Militar.

O GuardeAqui, líder do setor, é pioneiro no mercado de self storage no Brasil. E, por isso mesmo, nos orgulhamos por ter desenvolvido aqui o conceito de auto armazenamento desde que entramos em operação, em 2005.

O self storage surgiu na década de 1960, nos Estados Unidos, como opção para as pessoas guardarem seus pertences quando as famílias cresceram e os espaços diminuíram. Por aqui, definimos o self storage como o armazenamento inteligente e flexível de bens e objetos, organizado dentro de galpões divididos por boxes.

Esqueça, entretanto, aquela ideia de barracões distantes e envelhecidos, longe dos centros empresariais. As unidades do GuardeAqui estão localizadas em bairros estratégicos para facilitar a logística. Tudo é limpo, bem cuidado e seguro.

Cada família ou empresa pode alugar esses boxes para guardar desde pertences pessoais até estoques de produtos ou matéria-prima. O acesso ao GuardeAqui é individual e por meio de senha. Além disso, possuímos vigilância 24 horas por dia em todas as nossas 24 unidades.

Não importa se você precisa guardar os móveis enquanto aguarda o final de uma reforma ou bens valiosos de uma herança. Com a gente, tudo fica seguro. Você aluga pelo tempo que precisar, sem prazo mínimo e sem burocracia. Acesse nosso site para saber mais.

 

Brinquedos sem destino, louças e roupas fora de uso no momento, livros, coleções, ferramentas e até carros: tudo isso você pode armazenar em nossos boxes sem nenhuma burocracia. Não importa o tamanho da sua necessidade: nós podemos te atender. O GuardeAqui é igual ao coração de mãe, cabe tudo.

E se você é empreendedor do comércio e precisar alugar um espaço agora, para seu estoque, por exemplo, só começará a pagar após o Dia das Mães (11/05). A ideia é ajudar os varejistas a guardar matéria-prima e produtos que serão comercializados para a data. Por isso, a promoção só vale para pessoa jurídica ligada ao setor de varejo. No ato do contrato é preciso apresentar o CNPJ.

Mas se você não é do varejo, tudo bem. O GuardeAqui está preparado para receber todo tipo de produto, em espaços que variam de 1m² a 29m². Também temos espaços acima de 30m² para grandes estoques. Acesse nosso site e faça uma simulação.

Sempre aproveitamos esse espaço do nosso blog para dar dicas de como o self storage pode te ajudar, seja para abrir seu negócio, arrumar sua casa ou empresa e guardar aqueles bens de valor sentimental, entre tantas outras possibilidades. Hoje, traremos a história de como um de nossos clientes, a Home Shave Club utiliza a solução que ofertamos.

Jorge Martins é responsável pela manipulação e liberação para a transportadora dos produtos da empresa, que funciona como um clube online em que os assinantes recebem o modelo de aparelho de barbear que escolherem (de 2 lâminas ou 4 lâminas) e refis direto em casa.  Uma solução prática para quem não quer enfrentar filas em farmácias e mercados e nem se preocupar se tem o produto em casa.

Mas por qual motivo, afinal, a Home Shave usa o GuardeAqui? “Usamos o espaço do box locado para o nosso estoque, para as embalagens e também para parte da nossa operação”, conta Martins, segundo o qual a sala de reuniões com acesso gratuito à Internet também tem utilidade durante o período em que fica na unidade da qual é cliente.

Ou seja, além do espaço na medida para sua necessidade, você também pode aproveitar nossa estrutura para fazer reuniões, atender clientes, dar treinamentos etc. Aproveite para conhecer nossos diferenciais.

Certamente você também vai compartilhar da opinião do Jorge e falar para todo mundo.

Ao longo do último mês, temos visto uma explosão de ovos de chocolate de todos os tipos, tamanhos e preços – levantamento da Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Cacau, Amendoim, Balas e Derivados (Abicab) afirma que os preços do produto podem variar de R$ 1,20 a R$1.100. O que representa uma ótima oportunidade para empreender.

Para se ter uma ideia, em 2018 foram produzidas 11 mil toneladas de ovos e outros produtos para a Páscoa, um crescimento de 26% na comparação com as 9 mil toneladas de 2017. A expectativa da Abicab para 2019 é superar os anos anteriores.

A celebração da Páscoa, que acontece no próximo domingo (21/04), oferece uma ótima oportunidade não apenas para as empresas de doces e chocolates, mas também para decoradores, organizadores de festas e mesmo pessoas físicas que querem aproveitar a data para conseguir uma renda extra.

Separamos quatro dicas de como tirar o máximo desta oportunidade, inclusive em mercados menos tradicionais. A primeira delas? Conte conosco para guardar moldes, fitas, sacolas, caixas e outros itens decorativos, seja nesta última semana, ou após a Páscoa. Afinal, o estoque que não for aproveitado agora pode servir para outras datas ou mesmo para o próximo ano – não há razão para deixar esses itens ocupando espaço em sua casa ou empresa. Claro, só não pode guardar os ovos prontos ou alimentos perecíveis usados para o preparo!

Confira as outras três dicas:

Não só de chocolate viverá a Páscoa

Ovos de chocolate são, obviamente, o produto mais procurado neste período. Mas isso também significa que são o nicho mais saturado, seja com produtos de grandes empresas ou de microempreendedores.

Uma boa alternativa é olhar para outras possibilidades que estão crescendo, como os ovos de whey protein para o público fitness, por exemplo. Opções com chocolate amargo também têm recebido cada vez mais atenção, tanto pelo gosto quanto pelo fato de usualmente não conterem glúten – o que o transformam em ótima opção para celíacos e outras pessoas com alergia ou intolerância à substância. Além disso, a alfarroba também pode ser utilizada para substituir o cacau como base para o chocolate, fornecendo opções para quem tem algum tipo de problema com a receita tradicional ou quer um produto mais saudável.

Claro, colombas, panetones, brownies, bolos e outros doces podem atrair consumidores que querem fugir do tradicional. Nesse sentido, vale até trabalhar com uma cesta de ovos de chocolate em uma caixa de ovo e brincar bastante com o tema. Não segure sua criatividade.

Explore nichos

Já falamos do mercado fitness e para pessoas com alergia, mas há outros pontos que podem ser explorados. Ovos personalizados, seja na decoração ou nos sabores, podem ser uma ótima opção para quem procura exclusividade ou quer experimentar algo novo.

Chocolates artesanais e orgânicos são outro nicho que ganha cada vez mais adeptos. Especialmente pelo sabor único que proporcionam. Produtos diferenciados, por exemplo trufas com creme de avelã, licor ou matéria prima importada podem focar o mercado de luxo. Quando o assunto é comida, há espaço a todos os paladares para serem explorados.

Atenção à forma

A dica é válida tanto para o formato do produto, que não precisa ser o tradicional – há diversos cases de sucesso de venda de ovo de colher e mesmo ovos 2D (uma barra grossa ovalada) –, quanto para a decoração. Fitas, papel brilhante e cestas chamativas, cada detalhe conta para ganhar o consumidor.

Quer uma dica bônus?

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas tem uma cartilha que ajuda os empreendedores a pensar todo o processo da venda para tirar o máximo da Páscoa, incluindo dicas até mesmo sobre precificação. Vale a leitura, mas é preciso fazer um cadastro para conseguir baixar o arquivo.

No próximo sábado (13/04), vamos realizar o 1° Feirão GuardeAqui. A ação envolve as 5 unidades operando no Rio de Janeiro e é a primeira do tipo para o mercado de self storage no País.

Muitos dos nossos clientes não têm a real noção de quanto podem se beneficiar de um self storage até a primeira vez que entram em uma de nossas unidades. Essa ação visa, justamente, atrair as pessoas para conhecer nossas instalações – as mais modernas e seguras do País, como já mostramos aqui no Blog – e ver como elas podem ser úteis no dia a dia de sua família ou empresa. E não precisa acreditar somente na nossa palavra, nossos clientes também têm várias histórias para contar.

Durante o Feirão, quem for até uma das cinco unidades no estado do Rio de Janeiro para fechar contrato ainda irá receber o primeiro mês grátis para aproveitar a solução e conhecê-la na prática.

Além disso, as unidades Centro (Rua General Caldwell, 222) e Niterói (Rua Noronha Torrezão, 362) funcionarão em esquema de plantão, com horário estendido das 9h às 17h. Os gerentes das 5 unidades fluminenses estarão presentes nesses plantões para fechar contratos para cada uma de suas unidades.

Já em Botafogo (Rua Arnaldo Quintela, 52), Maracanã (Rua São Francisco Xavier, 842) e São Cristóvão (Rua General Bruce, 62) irão funcionar no horário padrão para os sábados, das 9h às 13h, mas também com as mesmas condições para contratação presencial.

O 1° mês grátis não é valido para contratação por internet ou telefone justamente para incentivar que o novo cliente vá conhecer a unidade.

Trabalhamos com aluguel de boxes que vão de 2m² até 100m² pelo período de 30 dias, podendo ser renovado indefinidamente pelo tempo que o cliente desejar. Pessoas físicas, por exemplo, podem usar a solução para guardar móveis durante um período de reforma, manter bens de valor sentimental que estão ocupando espaço em casa ou mesmo para guardar malas, documentos, entre outros.

Já pessoas jurídicas costumam encontrar no self storage uma ótima solução para estoque, arquivo morto, centro de distribuição etc.

Claro, você pode acompanhar nossas dicas de uso do self storage tanto para pessoas físicas quanto jurídicas toda segunda e sexta aqui no Blog.

A partir de hoje (01/04), os comerciantes que alugarem um box de qualquer tamanho só pagarão o aluguel após o Dia das Mães (11/05). A promoção busca auxiliar os comerciantes com seus estoques para a data e, por isso, só é válida para pessoas jurídicas ligadas ao setor de varejo, sendo necessária a apresentação de CNPJ para firmar o contrato.

A iniciativa repete a campanha empregada com sucesso no Natal, apoiando os varejistas em um momento em que o fluxo de caixa está comprometido com a aquisição dos estoques para as vendas de Dia das Mães e a contratação de colaboradores adicionais para auxiliar no atendimento aos consumidores.

Vale lembrar, esta é a segunda data mais importante para o comércio, ficando atrás justamente do Natal.

Nossa ideia é oferecer um “respiro”, “jogando o pagamento para a frente”, permitindo que o lojista pague o espaço após já ter realizado as vendas e recebido por boa parte delas (sabemos que alguns pagamentos podem levar algum tempo para cair).

A ação vale para toda a nossa rede, que conta com 24 unidades em operação e 1 em desenvolvimento espalhadas nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, além do Distrito Federal.

A cidade do Rio de Janeiro está completando 454 anos de muita história. Se você também tem muita bagagem e não quer abarrotar a sua sala, quarto ou empresa a ponto de nem conseguir olhar a bela paisagem carioca pela janela, a melhor solução é correr para o GuardeAqui mais perto.

Conheça nossas unidades:

Unidade Botafogo

Na zona Sul, o bairro do Botafogo reúne quase 100 mil habitantes e um dos cartões-postais mais famosos não apenas da capital fluminense, mas do mundo: o Pão de Açúcar.

O nome do bairro vem do galeão português São João Baptista, conhecido como Botafogo, um dos mais poderosos navios de guerra do século XVI.

Conhecido por abrigar uma profusão de escolas e clínicas médicas, também é sede de 17 consulados, do Botafogo de Futebol e Regatas e, na rua Arnaldo Quintela, 52, da Unidade Botafogo do GuardeAqui.

Unidade Maracanã

Não poderíamos ficar fora de um dos bairros mais famosos do Brasil. O Maracanã abriga o Museu do Futebol, o maior estádio do País (o Jornalista Mário Filho, mais conhecido como Maracanã) e a tradicional Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).

Estamos na rua São Francisco Xavier, 842, entre a UERJ e a Estação Primeira de Mangueira, uma das mais tradicionais escolas de samba do carnaval carioca.

Unidade São Cristóvão

O bairro Imperial de São Cristóvão recebe este nome por ter sido lar da família Real no Brasil desde 1.803 até a época do Império. Posteriormente, o “Palácio Real” virou sede no Museu Nacional, destruído em um trágico incêndio em setembro de 2018.

Se você precisa de segurança para guardar bens inestimáveis (ou mesmo documentos corriqueiros e aquela mala de viagem que só está ocupando espaço em casa), o lugar certo está na rua General Bruce, 62.

Unidade Centro

Entre construções históricas, como a Central do Brasil e o Edifício Gustavo Capanema, modernos arranha-céus e o Aeroporto Santos Dumont, a região Central do Rio de Janeiro abriga muitas histórias.

E, na rua General Caldwell, 222, o GuardeAqui armazena, com segurança e praticidade, tudo o que você não quiser (ou não puder) manter em casa ou no trabalho.

Oferecemos uma solução muito simples: espaço na medida para sua necessidade, sem burocracia e com preço justo. Mas por que algo tão simples é tão importante?

A resposta, certamente, vai mudar de pessoa para pessoa e de empresa para empresa. Para pessoas jurídicas, o diferencial pode ser a facilidade de mudar o tamanho do espaço de acordo com a necessidade, como acontece com nosso cliente Ulisses Santos da Costa:

 

Claro, outras empresas ou empreendedores podem optar por um self storage por não ter um espaço fora de casa para deixar suas mercadorias e decidir vir para o #CadeadoAmarelo pelo custo e segurança. É o caso do João Calil:

 

E se você precisou fechar seu comércio, mas não fez uma queima de estoque, talvez porque pretende voltar ao negócio ou porque está esperando o novo endereço ser reformado, o depoimento de Francesco Bettoni pode te ajudar:

Seja qual for sua necessidade, conte conosco!

Já falamos aqui no blog sobre a praticidade de contar com a combinação de um escritório co-working e self storage. Mas e se você for lojista? Qual a saída para quem precisa de um espaço para expor e vender produtos?

A solução é um modelo de negócio conhecido com loja colaborativa, que está começando a se disseminar pelo Brasil. Uma loja colaborativa costuma funcionar de forma bastante semelhante ao self storage. Cada empresário aluga um espaço para expor seus produtos e passa a contar com a estrutura do local (espaço e vendedores), sem ter que pagar valores adicionais por luz, água e outros tributos. Uma diferença importante é que enquanto o self storage é uma solução, focada em disponibilizar espaço sobre medida para sua casa ou empresa, nas lojas compartilhadas você está contratando uma estrutura com gerentes e vendedores para anunciar seus produtos e vendê-los ao público.

De forma complementar, enquanto no self storage você só paga pelo aluguel de espaço, sem se preocupar com tributos como IPTU, água, luz etc., nas lojas compartilhadas é possível, de acordo com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), que você seja cobrado também por tributos incidentes sobre os produtos comercializados, como o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), e taxas referentes a meios de pagamento, como o cartão de crédito.

As principais vantagens do modelo, além do custo reduzido, costumam ser:

  • O local da loja, usualmente instaladas em pontos nobres que um pequeno empresário teria dificuldade de bancar sozinho;
  • Custos de divulgação da loja e dos produtos compartilhados;
  • Possibilidade de parceria com outros empresários, complementando o negócio e criando networking; e,
  • Custos compartilhados para contratação e manutenção de funcionários, que irão trabalhar para todas as empresas instaladas no espaço.

Uma tendência nesse mercado é o de lojas que trabalham com foco em um público específico. Por exemplo, lojas focadas em produtos para crianças poderiam alugar espaço para um produtor de calçados, outro de vestuário, um de brinquedos etc.

Claro, com o espaço nobre, mesmo com custo compartilhado, não sobra espaço para dedicar ao estoque. Mas tudo bem, porque você sabe que para isso não há solução melhor que o self storage. Então lembre-se, precisou de espaço, corre pro #CadeadoAmarelo.

O GuardeAqui é muito mais que uma guarda móveis, é o maior e melhor self storage do Brasil com mais de 120.000m² de área e 25 unidades pelo país.